(Uma noite na UTI)

* Vou abrir um parênteses aqui na sequência pré-diagnóstico para falar de uma atual experiência…

O que parecia ser uma breve passagem pelo pronto-socorro por causa de um pico febril, acabou virando uma noite na unidade de terapia intensiva do ICESP, onde faço meu tratamento. O interessante é isto ter acontecido apenas 2 horas depois de uma conversa com uma paciente que tinha conhecido no hospital.

Vou chamá-la de Rita. Essa jovem de 20 e poucos anos de idade tem um câncer no mediastino e vem tratando com quimioterapia há quase 2 anos. Quando a encontrei pela primeira vez no corredor do hospital, ela disse que tinha acabado de ouvir do médico que o seu caso não tinha mais jeito. Ela é muito bonita e estava com um aspecto ótimo, dizendo que ainda tinha fé em Deus que ela ia sair dessa. Eu e minha mãe nos comovemos com a história de vida de Rita e começamos a orar por ela e pela família. Aconteceu então dos médicos ligarem para ela dizendo que resolveram tentar mais uma quimioterapia, e que essa seria de 12h/dia durante 5 dias. Enfim, durante a nossa conversa antes de eu passar mal, ela estava me dizendo dos terríveis efeitos colaterais deste tratamento que a tinham deixado triste e desanimada em continuar acreditando em Deus. Daí, falei para ela crer em Deus e no poder de Jesus independente de qualquer coisa.

O que estava em meu coração era que se Deus nos curasse ou não, se aliviasse nossos sintomas ou não, Ele continuaria sendo Deus e nunca mudaria seu caráter. Mas, nós sim, quando buscamos conhecer a Deus somos mudados por Ele e pela pessoa de Jesus em nós. E é na confiança do Amor de Deus por nós é que conseguimos aceitar e suportar as dificuldades em nossas vidas.

Eu só não sabia que 2 horas depois tudo isso que estava em meu coração ia ser posto em prova. Tive um pico febril que não baixava por nada, dores por todo o corpo, calafrio e queda de pressão arterial. Fui para o pronto socorro e lá, a médica com toda a calma disse “vamos ter que te levar pra UTI pra te monitorar mais de perto”. E eu “UTI? Como assim? Tô bem, respirando, consciente, falando…”. Naquela hora um momentâneo terror da UTI bateu em meu coração, mesmo sabendo que eles estavam me levando por precaução, caso aquela febre fosse um sinal de uma infecção grave. Então imediatamente, ainda deitada na maca do PS, veio na minha cabeça a frase que eu disse à Rita… “você tem que confiar em Deus independente de qualquer coisa”. Naquela mesma hora clamei a Deus e pedi a Ele para acalmar meu coração e para que eu confiasse nEle independente do que estava por vir.

Felizmente, a febre e todos os sintomas desapareceram em menos de 2 horas de internação, mas fiquei na UTI por quase 12 horas. Mesmo sabendo que aquela abordagem toda de médicos cuidadosos era só por precaução e com todos os profisisonais ali amáveis naquela UTI linda, ampla e com janelas de vidro de fora a fora, eu não queria passar nem mais 1 minuto ali dentro além do necessário. Então fui de alta pra enfermaria e de lá pra casa, permanecendo no hospital menos de 48 horas.

Eu sei que minha reação à quimio não chega nem perto do que Rita está passando. Mas, acredito que, em dimensões diferentes, nós duas fomos colocadas à prova de confiar no DEUS EU SOU, independente de qualquer coisa!

Anúncios

Marcado:, , , ,

10 pensamentos sobre “(Uma noite na UTI)

  1. Gabriela 07/07/2011 às 21:59 Reply

    Amiga… que bom que estais bem! E que susto! Mas eu tenho certeza que Deus guardou algo maravilhoso pra vc e tudo que estais passando tem um motivo. Beijos e se cuide! 🙂

  2. CarolinaSalema 07/07/2011 às 22:02 Reply

    Guerreira! A vitória está conquistada! =)

  3. Flávia 07/07/2011 às 22:07 Reply

    Andreza..tenho acompanhado e achado fantástic
    o vc abordar esse assunto assim..com tanta delicadeza e clareza…Não sei se vc sabe ,mas passamos por essa situação com minha mãe a 2 anos e nossa família precisou bucar muito à Deus pra passar pelo furacão que nos acometeu!mas fico super feliz de te ver forte e bem…Que muito em breve essas experiências fiquem pra trás e vc retome seus planos com força total!!Deus te abençoe grandemente sempre e sempre!!!bjos!

  4. Dressa 07/07/2011 às 22:08 Reply

    Só tenho uma coisa a dizer: Tô com muita vontade de lhe dar um abraço!!! hehehehe Estranho, mas é isso…
    Bjão amiga, saudades…

  5. Andrea Carolina Martins Ramos Santos 08/07/2011 às 09:03 Reply

    Desinha, nem tenho palavras para escrever depois de ler os posts e ainda mais o recente…
    Amiga, acho que Deus dá um pouco da sua força pra gente nessas situações, né? Não consigo imaginar o que você tem passado e sentido.
    Mesmo assim sua história tem me abençoado demais!!! Preciso rever posturas, questões, ansiedades, stress… Preciso cuidar de mim, conhecer melhor a Deus, meditar em Sua palavra.
    Obrigada por criar esse espaço tão rico de experiências e vivências.
    Beijo!
    Deinha.

  6. Juliana Sousa Heinrich 08/07/2011 às 12:44 Reply

    Andressa, eu não tenho palavras, apenas lágrimas. Nosso Deus é soberano e maravilhoso para cuidar tão bem de você e ainda colocar em seu coração a vontade de cuidar dos outros (o que sempre fez, desde que te conheci). Parabéns pela sua garra!!! Aleluia pelo nosso Deus!!! Vou continuar lendo, me fortalecendo e intercedendo por você, da mesma forma que temos acompanhado minha sogra. E sobre o tópico das “gavetas”, seria muito legal que você pudesse ler o que a Sylvia postou esses dias no blog dela (www.heinrich.com.br/sylvia). Grande beijo e continue com Deus.

  7. marcia garcia 08/07/2011 às 18:29 Reply

    Não temos q dizer mais nada além de agradecer a esse Deus Imutável pelo q faz e fará ! Que Ele continue te abençoando ! Abraços

  8. Eloísa 09/07/2011 às 11:38 Reply

    Amiga querida, nossa impressionante né? Temos mesmo que ser cristãos verdadeiros, cristãos que levam o sacrifício de Jesus à sério e que conhecem à Deus de andar com Ele lado a lado e não apenas de “ouvir falar”. A certeza da fidelidade e do constante e fiel amor de Deus por nós nos fortalece em tempos de lutas. Parabéns, pela capacidade que vc possui de controlar seu emocional e manter-se firme, alegre, bem humorada diante de situações adversas. Bjos querida

  9. Adriane Freitas 09/07/2011 às 20:09 Reply

    Olá graças a Deus, você esta bem. Bjs

  10. desamarinho 12/07/2011 às 23:14 Reply

    Obrigada amigos pela força e por estarem aqui comigo!! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: